Comissão entrega cadeira de rodas

No dia 20 de novembro foi realizada (leia aqui) uma cavalgada beneficente, com almoço e leilão de prendas no CTC – Centro de Tradições Campeiras, com o objetivo de arrecadar recursos para comprar uma cadeira de rodas motorizada para a senhora Maria Eliza Nunes Vieira. Veja mais fotos:

Na tarde de ontem (30) a comissão organizadora da ação beneficente, representado por Miguel Pereira e Sérgio Rugine, fizeram a entrega da cadeira de rodas para Maria Elisa, 48 anos, e que há 11 sofreu um AVC (acidente vascular cerebral), também conhecido como derrame, que lhe paralisou todo o lado direito.

Enquanto arriscava os ‘primeiros passos’ com a cadeira motorizada, e com um pouco de dificuldade na fala, Maria Eliza disse, que a primeira coisa que quer fazer, quando aprender a andar com a cadeira, é "ir à igreja agradecer a Deus". Disse que estava muito feliz com o presente. Ela e o marido, Daniel de Oliveira, fizeram questão de agradecer cada um que colaborou com a ação beneficente. O marido disse que a cadeira foi o grande presente de ano novo, que dará mobilidade para a esposa ir ao mercado, na casa de familiares e passear.

Sérgio Rugine, um dos voluntários na ação, disse que o sentimento era de dever cumprido e que só foi possível graças às colaborações de comerciantes e empresários, de voluntários e da população que ajudou. Ele contou que foram vendidos todos os 450 almoços e cerca de 200 cavaleiros participaram da cavalgada. “Nós apenas demos o início e encabeçamos a ação, mas foi por causa da participação de todos que deu tudo certo e podemos realizar o sonho da dona Maria Eliza”, disse Sérgio Rugine que fez questão de agradecer os cerca de 75 voluntários que trabalharam na cozinha, no bar e em toda organização do evento.

Miguel Pereira informou que na ação foi arrecadado um total de R$ 13.340, sendo R$ 6 mil no almoço, R$ 4.680 com o leilão, R$ 2.428 com o bar e R$ 232 com a venda de doces. Como a cadeira teve um custo de R$ 7.480 há um saldo de R$ 4.980 que será utilizado para beneficiar outras famílias com necessidades especiais.

“Deus abençoe ricamente a todos. Os que contribuíram com mais, ou com menos, os que foram almoçar, os que fizeram o almoço, os que trabalharam no bar, enfim... a todos vocês, pois sem a contribuição de cada um nada disso seria possível”, disse Miguel Pereira Domingues.


No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

2 comentários:

marbrizolla disse...

Parabéns aos organizadores desse evento! Atitudes cidadãs como essas que (apesar de parecer insignificantes) engrandecem nossa cidade...

marbrizolla disse...

Espero sinceramente que sejam ações sem fins políticos!!!

Postar um comentário

PUBLICIDADE