Viúva cai em golpe de falso benzedor e perde R$ 2.500

Foi registrado na tarde desta sexta-feira (17) na Delegacia de Polícia um boletim de ocorrência de um suposto estelionato praticado contra uma senhora de 65 anos, viúva, moradora no Bairro Caxangá, zona rural de Pilar do Sul, que perdeu R$ 2.500 para dois supostos estelionatários.

A vítima declarou na polícia que na terça-feira (14), por volta de 13h, na Praça Central, foi abordada por uma mulher que se apresentou como Márcia, aparentando 49 anos, morena, cabelos pretos e cacheados, alta, trajando um vestido preto, dizendo que morava em Salto de Pirapora e que estava em Pilar para ajudar a mãe que se encontrava doente. Ainda na praça, encontraram um senhor de aproximadamente 70 anos, moreno, cabelos grisalhos, com barba, que Márcia apresentou como sendo um benzedor.

A vítima foi induzida a acreditar que o suposto benzedor tinha o dom de multiplicar dinheiro. Acreditando no milagre da multiplicação, a vítima, em companhia de Márcia, foi até uma agência bancária e sacou todo o dinheiro que possuia na conta, um total de R$ 2.500, e entregou para o benzedor, que colocou o dinheiro em um envelope, onde desenhou uma estrela. Em seguida o benzedor rezou, lacrou o envelope e o devolveu a viúva e disse pra ela abrir só na sexta-feira. Lhe entregou um manuscrito com diversas rezas que ela deveria fazer durante os dias seguintes para que o dinheiro se multiplicasse.

Hoje, quando a viúva abriu o envelope, teve uma surpresa. Dentro dele continha apenas folhas de papel, sem valor. Foi quando se deu conta que havia caído em um golpe. O golpe da macumba.

O caso foi registrado na delegacia e encaminhado para investigação. Qualquer informação que leve a prisão dos suspeitos pode ser feita, sem precisar se identificar, pelos telefones 197 ou 3478-5340 (ambos da Polícia Civil).
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

2 comentários:

There Válio disse...

Tudo é por querer vantagem, que cai na conversa dos estelionatários, ainda existe que acredita nisso. Acorda povo!

dj-geraldinho disse...

vc acredita em papai noel...... eita esse povo em ta um pouquinho longe o natal neh para acreditar em papai noel

Postar um comentário

PUBLICIDADE