Quatro homens são detidos com drogas e dinheiro falso

A Polícia Militar deteve na noite de ontem (19) quatro suspeitos e apreendeu com eles cinco porções de maconha, três papelotes de cocaína e cinco notas supostamente falsificadas de R$ 100, totalizando R$ 500 em dinheiro falso. Eles são suspeitos de passar uma das notas em uma padaria na Avenida Miguel Petrere.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta de 20h30, o quarteto chegou à padaria em um automóvel Kadet, cor prata, e um deles adentrou a padaria e comprou pães e deu uma nota de 100 reais. No momento, a filha do comerciante de 16 anos, que atendeu o ‘cliente’, não percebeu que o dinheiro era falso e cobrou R$ 2,50 da venda e deu o troco. O indivíduo foi embora e logo depois o comerciante, de 42 anos, através de uma luz especial, percebeu que o dinheiro era falso e acionou a PM.

Com as características dos suspeitos e do carro, que tinha uma placa de vende-se, os soldados Mendes e Perin realizaram patrulhamento e localizaram o carro, e um dos suspeitos, no Jardim Marajoara. Ao realizar a abordagem, os PMs localizaram, dentro do carro, as porções de maconha e, em uma carteira, três notas de R$ 100, supostamente falsas.

Indagados a cerca dos comparas, o homem disse que eles estavam em um bar. Os PMs, com já com apoio do sargento Serevincis e do soldado E. Rodrigues, localizaram os outros três suspeitos em um bar na Praça Gabriel Válio. Na cueca de um deles, os PMs localizaram outra nota falsa de R$ 100. Com os outros dois os policiais localizaram, na carteira de um, uma porção de cocaína, e, no tênis de outro, duas porções também de cocaína.

Conduzidos a delegacia, um deles foi indiciado por comercialização de moeda falsa e, junto com outros dois, por porte de entorpecente, enquanto que o quarto elemento foi arrolado como testemunha. O carro foi apreendido, administrativamente, porque o condutor estava com a CNH (habilitação) vencida, bem como os entorpecentes e as cinco notas falsas de R$ 100, que serão enviadas para a perícia.

Após a instauração do boletim de ocorrência, os quatro foram liberados, já que a delegacia de Polícia Federal, em Sorocaba, que trata dos crimes contra o sistema financeiro nacional, não dispõe de plantão no período noturno.

Os quatro suspeitos disseram residir em São Paulo, mas que estavam em Pilar à passeio, numa chácara no Jardim Cananéia.

Objetos apreendidos: R$ 500 em notas falsas/Foto: Sérgio Santos
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE