Ladrões fazem assaltos e um dos suspeitos é detido em Pilar do Sul

A réplica de pistola que teria sido utilizada nos roubos.
Ladrões, armados com uma pistola, praticaram dois assaltos na noite desta quinta-feira (11) em Pilar do Sul. Um suspeito, menor de 16 anos, foi detido e recolhido na Fundação Casa.

O primeiro roubo aconteceu por volta de 20h40 na Avenida Antonio Lacerda, quando um motoboy foi rendido por dois elementos, magros e altos, um deles armado com uma pistola, lhe ordenou que entregasse a motocicleta, uma Honda CG 125, ano 2011, e um capacete, fugindo sentido Bairro Morro Grande.

O motociclista acionou a PM e os soldados Silva Oliveira e Donisete fizeram diligências e, por volta de 23h, localizaram a moto, a mesma que havia sido roubada, estacionada na Praça Gabriel Válio e deteve dois elementos que estava ao lado da moto. Um deles, de 20 disse, que outro rapaz (o menor de 16 anos) havia deixado a moto no local. Os dois foram conduzidos à delegacia para averiguação.

Enquanto isso, já por volta de meia noite, aconteceu outro assalto, dessa vez em um posto de combustíveis, próximo ao CTC. Segundo o boletim de ocorrência, dois elementos, um branco e outro moreno, ambos magros, um deles armado com uma pistola preta, renderam o frentista e roubaram R$ 600, fugindo a pé.

Ainda na delegacia, um dos elementos detidos com a motocicleta roubada, indicou o adolescente que a havia deixado na Praça. Os policiais, então, foram a residência dele e o deteve, e localizaram a réplica de uma pistola preta, que supostamente seria a mesma utilizada nos roubos.

O adolescente foi reconhecido por uma das vítimas. Diante disso, o delegado Oscar Garcia Machado lavrou boletim de ocorrência de ato infracional, por roubo, e determinou que o menor fosse recolhido a Fundação Casa, em Sorocaba. Os outros dois, que estavam ao lado da motocicleta, foram arrolados como testemunhas e liberados. Até o fechamento dessa edição, o outro suspeito, de participação nos assaltos, não havia sido localizado pela polícia.

Nota da Redação: Apesar das características da dupla, da arma utilizada por eles, e do modo de agir dos assaltantes serem as mesmas nos dois roubos, é possível tratar-se de elementos diferentes. A reportagem deixa claro que o menor foi reconhecido apenas por uma das vítimas.

Nossa reportagem se pauta apenas pelo Boletim de Ocorrência elaborado pelas Polícias Civil e Militar, documentos oficiais, onde constam as declarações das vítimas, dos policiais e dos acusados e/ou suspeitos. 

Igualmente, cumprimos informar que, por se tratar de um menor, nossa reportagem não publicou nome, nem iniciais, e foto do adolescente para que de nenhuma maneira ele possa ser identificado, cumprindo o que rege o ECA - Estatuto da Criança e do Adolescentes, lei que protege os menores de idade.

A réplica de pistola, apreendida pela polícia, era uma imitação perfeita/Foto: BSS

No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

3 comentários:

Sergio Santos disse...

A lei proibi a publicação de qualquer referência que possa identificar o adolescente. Seu comentário contém nome, por isso não posso publicá-lo.

Anônimo disse...

Parabéns pelos políciais e pela noticias divulgadas, alias o povo tem que saber o que acontece na cidade que reside,também é interessante divulgar noticias de políticos julgado recentemente por usar dinheiro público em nossa cidade,alias é interessante para a população esse tipo de noticias para pensar mais na hora de votar.

Anônimo disse...

É mentira o menor estava na casa dele na hora do assalto!!!

Postar um comentário

PUBLICIDADE