Janete anuncia que destinará mais de R$ 3,3 milhões para a Santa Casa em 2014

SANTA CASA / ARQUIVO BSS.
A prefeita Janete Carvalho Pedrina de Carvalho Paes (PSDB) informou na manhã desta sexta-feira (29) que está pronto o projeto de lei que trata da renovação do convênio com a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Pilar do Sul. O projeto prevê um total de R$ 3.360.000,00, anuais, pelos próximos cinco anos, a partir de 2014.

O projeto foi discutido e formatado após diversas reuniões envolvendo a prefeita Janete, os secretários José Francisco (finanças), Dalton Pagianotto (saúde) e Juarez Rodrigues (jurídico) e a diretoria da entidade, representada pelo provedor José Antonio Caetano, o Capitão.

Ficou definido que o repasse de recursos, a partir de janeiro de 2014, será de R$ 280 mil mensais, contra os atuas R$ 130 mil, para manutenção do Pronto Socorro e da Maternidade. Segundo o contrato, a Santa Casa deverá manter três médicos diários, ao invés de dois profissionais, como é atualmente.

Um dispositivo inserido no novo contrato determina que se a Santa Casa não mantiver três médicos diários o valor será descontado do repasse, proporcionalmente aos dias e ao total de médicos mantidos no hospital.

O projeto de lei será enviado, nos próximos dias, à Câmara Municipal para deliberação, apreciação e votação dos vereadores. Se for aprovado ele passará a vigorar a partir de 1º de janeiro.

Situação atual - Nos últimos anos, como forma de amenizar o problema de falta de médicos e de recursos, a Prefeitura e a Santa Casa vêm fazendo termos aditivos ao contrato anterior, do ano 2008, com repasses adicionais de recursos.

Em dezembro de 2012 o repasse da Prefeitura para a Santa Casa foi de R$ 170 mil, incluindo os recursos financeiros adicionais (aditivos).

Em 2013 a prefeita Janete enviou para a Câmara Municipal um projeto de lei, que foi aprovado pelos vereadores, de um aporte financeiro adicional de R$ 838.080, divididos em 12 parcelas, perfazendo um repasse médio mensal de R$ 200 mil para a Santa Casa. Durante o ano de 2013, apenas com o repasse, da prefeitura, a Santa Casa receberá R$ 2.400.000.

De acordo com o novo contrato, a partir de 2014, o repasse para a Santa Casa será de R$ 280 mil, mensais, para a manutenção de três médicos diários, ao invés de dois médicos, como é atualmente. O total de recursos destinados para a entidade em 2014, e pelos próximos cinco anos, será de R$ 3.360.000, anuais.

Leia também:
Pilar do Sul é contemplada com três médicos do programa Mais Médicos
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

3 comentários:

Anônimo disse...

Tanto se fala em valores repassados a Santa Casa de Pilar do Sul mais não se vê na prática tanta diferença no atendimento, com um médico plantonista ( isso quando tem ) a população vive largada, ontem mesmo meu irmão levou meu sobrinho de 2 anos para passar no médico mais ele acabava de sair para acompanhar o acidentado de moto a Sorocaba. Se chega outro em estado grave neste momento morre ali mesmo na Santa Casa. Teria que ter pelo menos 2 médicos de plantão e um pediatra.

Anônimo disse...

Acho totalmente absurdo, eles pegam o dinheiro e não dão retorno pra quem mais necessita o povo. porq simplismente a santa casa não é da prefeitura e sim particular, ai fazem oq querem. como pode uma mãe ir ao pronto socorro e não ter médico para o filho ao meio di a, e a medica só chegar as 20 hrs da noite. Isso é inaceitavel e vergonhoso para uma cidade tão apreciada pela população. Tenho fé q um dia isto mude e não fique na mão dos poderosos da cidade.

Anônimo disse...

porque em vez de destinar recurso, não constroem um hospital da prefeitura pra acabar com esta monopolização de poder que tem na cidade.

Postar um comentário

PUBLICIDADE