Plantão Policial: final de semana teve ocorrências de porte de drogas, furto e prisões

O plantão policial foi agitado no final de semana em Pilar do Sul. As policiais registraram ocorrências de flagrante de porte de entorpecentes, furto em uma loja, direção perigosa, com recolhimento de veículo, e um motorista autuado por embriaguez ao volante e agressão a filha menor de idade. Na quinta-feira, a Policia Civil prendeu um homem acusado de estupro de vulnerável.

Porte de entorpecente
Constantemente a Polícia Militar vem recebendo denúncias de ocorrência de tráfico de drogas na Praça Pe. Luiz Trentini, em frente ao Fórum, no Centro. De acordo com as informações, nos finais de semana, o logradouro público, que fica em frente a sede do Poder Judiciário, se tornou uma verdadeira cracolândia, com venda e uso indiscriminado de drogas.

Na noite de sábado (05) por volta de 22h30 os soldados Denis e Donizete receberam mais uma denúncia de tráfico no local. De posse das informações, os policiais se dirigiram ao local e detiveram dois adolescentes. Um deles, de 17 anos, estava com cinco porções de maconha. O outro, de 15 anos, estava com dois papelotes de cocaína.

O Conselho Tutelar foi acionado e os adolescentes foram conduzidos a delegacia, onde foi elaborado um boletim de ocorrência de Ato Infracional de porte de entorpecente. Após assinarem um Termo de Compromisso eles foram liberados aos cuidados dos pais.

Nos últimos dias, este foi o quarto flagrante por tráfico de drogas no mesmo local.

Furto de loja
Uma loja de antiguidades e móveis rústicos, localizada na avenida Pe. Benedito Mariano, foi furtada na noite de sábado (05). Segundo a polícia, o proprietário chegou ao local por volta de 23h30 e percebeu que do estabelecimento havia sido invadido e as quatro rodas de um reboque trailer furtadas. O caso foi registrado e a polícia vai investigar o caso.

Direção perigosa
Na noite de sábado (05) os soldados Denis e Donizete estavam com a viatura estacionada na Praça Central quando viram um veículo Ford Fiesta Cinza, placa de Sorocaba, subindo a rua Cinco de Novembro na contramão. O PM Denis deu sinal de parada, mas o motorista não obedeceu e fugiu. Ele desceu pela rua Tenente Almeida, na contramão, passou em frente a prefeitura, passou pela rodoviária e só parou quando foi interceptado na Praça Gabriel Válio, no Bairro Campo Grande.

No carro estavam quatro homens que alegaram que não conheciam a cidade e, como sabiam que o carro estava com o licenciamento vencido, resolveram fugir. Na revista pessoal e no automóvel, nada de ilícito foi encontrado, mas o veículo foi recolhido ao pátio do guincho e o motorista autuado por direção perigosa, por não obedecer a ordem de parada e por conduzir o veículo sem estar com o licenciamento em dia.

Preso por embriaguez e agressão a filha de 9 anos
Após receber uma denúncia anônima, a PM prendeu no sábado um homem de 58 anos acusado de embriaguez ao volante e agressão a uma criança de apenas 9 anos, sua filha.

A menina foi socorrida e medicada na Santa Casa, onde um exame médico confirmou as agressões. A criança foi liberada aos cuidados do Conselho Tutelar.

O homem, que trafegava com veículo GM Corsa na estrada do Bairro do Pombal, foi submetido ao teste do bafômetro, que confirmou a embriaguez. 

O delegado Milton Andreoli autuou M.R.T., 44 anos, em flagrante, sem direito a fiança, por embriaguez ao volante, lesão corporal e por dirigir embriagado colocando em risco a integridade física da criança, sendo recolhido a cadeia local.

Na segunda-feira, dia 7, a pedido do delegado, a justiça expediu o mandado de prisão preventiva do acusado, para que ele responda o inquérito policial preso, até o julgamento.

Preso homem acusado de abusar de criança
Cumprindo mandado judicial, Policiais Civis prenderam na tarde de quinta-feira (03) um homem de 58 anos acusado de molestar sexualmente de uma criança, filha de sua ex-amásia.

De acordo com a polícia, a denúncia aconteceu no ano passado e, desde então, estava sendo investigada pela polícia, que colheu depoimentos e provas e formulou a denúncia ao Ministério Público que requereu e Justiça decretou a prisão preventiva do suspeito.

NOTA DA REDAÇÃO: O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) veda a divulgação do nome, e qualquer referência, que possa, de alguma forma, direta, ou indiretamente, identificar a criança ou adolescente vítima de abuso ou violência sexual.

Cumprindo o que determina o ECA, bem como o preceituado no Código de Ética dos Jornalistas Brasileiros, o nome do acusado está sendo omitido pelo Blog do Sérgio Santos para evitar que, citando o nome do padrasto, a criança, que era sua enteada, seja identificada.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE