Mal entendido: Honda Civic não foi furtado durante a Festa do Asilo


Um mal entendido levou ao registro de furto de um veículo Honda Civic na noite deste domingo (22) em Pilar do Sul.

Segundo o boletim de ocorrência, registrado pela vítima na Polícia Militar, ele havia deixado o carro estacionado por volta de 14h30 nas proximidadades do recinto da 66ª Festa do Lar do Velhinhos e quando voltou ao local, por volta de 22h, não encontrou o veículo.

Na realidade o motorista havia confundido o local onde o veículo estava estacionado, que foi localizado no início da madrugada de hoje.

Na manhã desta segunda-feira, como havia registrado o BO de furto, o motorista teve que se dirigir a Delegacia de Polícia para desfazer o mal entendido e dar baixa no sistema de dados da Polícia do registro de furto.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

8 comentários:

  1. SERÁ QUE TAVA BÃO O CIDADÃO?? NEM O CARRO LEMBRA ONDE DEIXOU !!! KKKK

    ResponderExcluir
  2. Que mico deveria ter tomado todas e mais algumas kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tivesse acontecido com vcs queria os rizos

      Excluir
  3. Sérgio boa tarde, admiro seu trabalho porém não concordo com certas atitudes sua, eu postei que o indivíduo deveria responder por falsa comunicação de crime como consta o art 340 do CP e simplesmente vc não admitiu meu comentário no blog, porém vc admite comentários sem nenhuma relevância, creio que o cidadão estivesse msm tomado todas, porém o meu comentário deve ser respeitado.

    ResponderExcluir
  4. Como o cidadao poderia ter tomado todas se ele tava trabalhando de voluntario, povo maldoso foi apenas um erro dele q nao atrapalhou a vida d ninguem

    ResponderExcluir
  5. Ao estimado anônimo de 24 de junho de 2014, as 17:52...

    Quem posta anônimo não tem qualquer privilégios e seus comentários são publicados, ou não, ao meu exclusivíssimo critério. Para comentar sem nenhuma restrição se IDENTIFIQUE.

    O seu comentário anterior continha afirmações das quais, como vc é ANÔNIMO, quem as tinha que provar seria EU.

    O condutor em questão me disse que estava TRABALHANDO voluntariamente na festa. Foi avisado que seu carro estava estacionado em um lugar irregular e pediu ao amigo para mudá-lo de local... Depois não conseguiu localizar o carro, daí o mal entendido.

    Um caso que pode acontecer com qualquer um e que NÃO CAUSOU nenhuma consequência a ninguém. Esse é o motivo de não aceitar comentário maliciosos e com afirmações sem nexo com o contexto do ocorrido.

    Deletei o seu comentário e dezenas de outros e deletarei sempre que extrapolar o limite do aceitável, a não ser que se IDENTIFIQUE.

    Obrigado pela compreensão.

    ResponderExcluir
  6. Não sei se é do meu comentário que vc se refere, comentei sobre o indivíduo responder por falsa comunicação de crime, o que deveria ser feito, pois movimentou a maquina estatal, quanto ao sr publicar o que achar melhor é um direito seu porem não vi nada de errado no meu comentário, porém essa é a realidade do Brasil dão valor as coisas inúteis e vi que com vc não eh diferente

    ResponderExcluir
  7. O Sérgio tem razão, muitas pessoas fazem comentários sem critério algum, por não conhecimento profundo dos fatos, a suposta "vítima" estava prestando serviços voluntariamente para uma festa beneficente e você quer punir um trabalhador descente? É simplesmente lamentável que algumas pessoas não se identificam. Portanto das próximas vezes que emitir sua opnião identifique-se!

    ResponderExcluir