Secretaria da Saúde realiza neste sábado mutirão de combate a dengue

A Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a empresa Corpore e a Vigilânica Sanitária e Epidemiológica, realizará neste sábado (07) um trabalho de orientação e conscientização de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue. 

O mutirão terá início na área central da cidade e se estenderá para os demais bairros de Pilar do Sul.

As residências e imóveis serão visitados pelos agentes que informarão sobre a importância de se combater os focos do mosquito e sobre as doenças que ele transmite, como a dengue e a chikungunya.

A Secretaria de Saúde solicita a colaboração da população, tanto na recepção dos agentes, quanto ao combate ao mosquito.

Dengue
A dengue é transmitida através da picada do mosquito Aedes Aegypti, que deposita seus ovos em reservatórios de água limpa e parada, como pratos de vasos de planta, garrafas, pneus velhos e até mesmo pequenas tampas como as de garrafas de vidro e pet. Com as chuvas e as altas temperaturas do verão, o mosquito encontra seu habitat perfeito para reprodução. Os sintomas mais comuns da doença são febre, dores de cabeça e no corpo. Nos casos mais graves de dengue hemorrágica a expectativa de sobrevivência é mínima.

Chikungunya
Febre Chikungunya é uma doença parecida com a dengue, causada pelo vírus CHIKV, da família Togaviridae. Seu modo de transmissão é pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado e, menos comumente, pelo mosquito Aedes albopictus.

Seus sintomas são semelhantes aos da dengue: febre, mal-estar, dores pelo corpo, dor de cabeça, apatia e cansaço. Porém, a grande diferença da febre chikungunya está no seu acometimento das articulações: o vírus avança nas juntas dos pacientes e causa inflamações com fortes dores acompanhadas de inchaço, vermelhidão e calor local.


No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE