Estatística da SSP aponta redução da criminalidade em Pilar do Sul

Fonte: Secretaria de Segurança Pública de SP / Compilação dos dados e arte: Blog do Sérgio Santos.
Dados estatísticos divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP) aponta que a criminalidade em Pilar do Sul recuou em 2014, comparativamente com os anos anteriores. 

A maior queda foi na quantidade de furtos. Em 2014 foram registradas 200 ocorrências de furtos contra 456 em 2007. Em sete anos a redução desse tipo de crime foi de 56%.

A quantidade de roubos (assalto a mão armada, ou com emprego de violência), que chegou a 50 em 2010, caiu para 33 em 2014. A quantidade de roubos e furtos de veículos registrado em 2014 foi de 31, contra 39 registrados em 2011.

Em 2014 foram registrados um homicídio e quatro tentativas de homicídio, se mantendo estável em comparação com os anos anteriores. No ano passado não houve nenhuma ocorrência de latrocínio (roubo seguido de morte), de roubo a bancos e de cargas.

Em 2014 foram registradas 48 ocorrências de tráfico de drogas e porte de entorpecente. Em uma dessas ocorrências, na Operação Nascente das Águas II, deflagrada em setembro (leia aqui e aqui), 23 pessoas foram presas acusadas de tráfico, ou associação ao tráfico de drogas.

Produtividade Policial
A estatística da SSP revela também a produtividade policial. Em 2014 as Polícias Militar e Civil de Pilar do Sul realizaram 58 flagrantes, efetuaram 129 prisões, apreenderam 21 menores infratores, apreenderam 12 armas de fogo e recuperaram 12 veículos (roubados ou furtados). Ainda em 2014, a Polícia Civil instaurou 190 inquéritos policiais.

Observando a quantidade de inquéritos instaurados e de prisões efetuadas, os dados demonstram a eficiência das ações policiais na cidade, que resultou na queda do índice de criminalidade. A reportagem do Blog do Sérgio Santos repercutiu a divulgação dos dados entre as Polícias Civil e Militar.

Sargento PM Osvaldo / Foto: Sérgio Santos.
Para o comandante da Polícia Militar de Pilar do Sul, sargento Osvaldo Francisco Pinto, a redução da criminalidade é reflexo das ações preventivas e ostensivas realizadas pela Polícia Militar, além do trabalho integrado com a Polícia Civil, com troca de informações e ações conjuntas entre elas, e o direcionamento do policiamento aos locais de maiores ocorrências. “Mantemos um bom relacionamento com a Polícia Civil e isso possibilita a troca de informações e o desenvolvimento de ações integradas”, disse.

O sargento Osvaldo destaca também, como indutor da queda da criminalidade, o combate ao tráfico de drogas, que, para ele, é a mola propulsora dos demais crimes, principalmente roubos e furtos. 

“Por isso que as pessoas precisam continuar nos auxiliando e denunciando os traficantes, pelo 190 (PM), disque denúncia (181), ou na Civil (197). Quem convive ao lado do ponto de tráfico e não denuncia está incentivando e depois ele mesmo pode ser uma vítima do tráfico, por conta de um roubo ou furto, ou até ter um filho seu ser aliciado pelo traficante”, diz Osvaldo. “Pode melhorar, se houver mais denúncias”, destaca o comandante da PM.

Delegado Milton Andreoli / Foto: Sérgio Santos.
O delegado titular de Pilar do Sul, Dr. Milton Andreoli, destaca a ação preventiva da Polícia Militar, a troca de informações entre as polícias (Civil e Militar), a participação da sociedade e a integração entre os poderes (legislativo, executivo e judiciário) como fatores preponderantes para a redução da criminalidade.

“O mérito não é apenas nosso (policiais), mas de todos os seguimentos da sociedade, das diversas entidades, do Conseg (Conselho de Segurança), da imprensa, da prefeitura, da juíza, da promotora, enfim, de todos que, juntamente conosco, trabalham e são responsáveis também por essa queda nos índices de criminalidade. Os seguimentos sociais de Pilar são muito atuantes. Todos se preocupam e procuram ajudar e é isso que possibilitou a redução desses números”, disse o delegado.

Dr. Milton destacou ainda o trabalho realizado à longo prazo, pelos delegados que o antecedeu na Delegacia de Polícia de Pilar do Sul, e elogiou a equipe de policiais, investigadores, escrivães, agentes policiais e carcereiros: “Essa equipe é nota 10. Trabalham muito e muito bem”, finalizou o delegado.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública de SP / Compilação dos dados e arte: Blog do Sérgio Santos.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública de SP / Compilação dos dados e arte: Blog do Sérgio Santos.

No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

5 comentários:

Anônimo disse...

Todos os Policiais estão de parabéns, mas o Batista e o Silva Oliveira matam a pau......Parabéns aos dois!!!!!!

Anônimo disse...

Isso devido ao excelente trabalho de prevenção ao crime dos policias militares e trabalho de investigação dos policiais civis.
Parabens a todos!!

Anônimo disse...

Parabéns a¨ TODOS¨ os policiais, tanto militares, como civis pela ótimo trabalho feito em nossa cidade.

Anônimo disse...

Estatistica é estatistica, n reflete a realidade, ja q mtos e mtos casos n chegam a delegacia....ex: mulheres q apanham dos maridos e sao ameçadas, roubos e furtos que os ladroes ameaçam voltar se a pessoa fizer a ocorrência....e mtas outras situações, enfim, a conta é outra....

Anônimo disse...

Anônimo das 12:15, você faz parte da estatistica, dos omissos que sabedor de TUDO ISSO, não fez nada para ajudar, mas só serve para criticar... É mais fácil meter o pau do que reconhecer, né?

Postar um comentário

PUBLICIDADE