Lavrador é baleado em tentativa de assalto no centro de Pilar do Sul

Um lavrador de 69 anos foi atingido com um tiro de raspão em uma tentativa de assalto na noite desta segunda-feira (18), por volta de 19h48, em sua residência no centro de Pilar do Sul.

Segundo o boletim de ocorrência registrado na Polícia Militar, o lavrador disse que estava em casa quando ouviu baterem palmas. Quando abriu a porta, ele viu dois elementos encapuzados, um deles com uma arma na mão. Instintivamente ele fez menção de fechar a porta e o bandido atirou.

O tiro acerto um dos dedos da mão esquerda da vítima que, ainda assim, conseguiu fechar a porta e os bandidos fugiram. O mesmo tiro acertou também o teto e o projétil ficou caido na sala.

A Polícia Militar foi acionada e o cabo Sandro e soldado Almeida foram até o local atender a ocorrência. Os PMs ainda realizaram buscas, mas os bandidos não foram localizados.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

18 comentários:

Anônimo disse...

tá demais...

Anônimo disse...

ACÓRDA PA VIDA AUTORIDADES.

Anônimo disse...

so tem um carro de policia em pilar ,por isso fica facio .

Anônimo disse...

Pilar do Sul esta precisando urgente de um efetivo maior de segurança, tanto publica como privada, foi se o tempo em que a cidade era tranquila e pacata. Quanto a população tem que tomar mais cuidados, esquecer a cortesia de cidadãos de cidade pequena, a criminalidade cresce atingindo todo país, sem nenhuma lei que ponha um fim nestes bandidos.

Anônimo disse...

Imagine uma viatura para aproximadamente quase 30 mil habitantes...ou faz magica ou tem q ter bola de cristal para atender tanta ocorrência...
Fora que quando prende esses meliantes perde mais d horas na delegacia para registrar o B.O. e depois?? A lei libera e outro dia já esta solto dando mais trabalho....leis que dxa a sociedade presa e bandidos soltos....que pais é esse?

Anônimo disse...

Senhores e senhoras que receberam os votos de seus ilustres eleitores de Pilar do Sul,cabe-lhes a responsabilidade pela segurança de nosso município.
Será que será preciso algumas mortes para que acordem e saiam dessa letargia total.
Será que será preciso que aconteça algo com algum de seus parentes para que as ações sejam feitas.
Envergonho-me de ter votado em duas mulheres, uma para vereadora e outra para prefeita. Sinto-me triste por ter sido iludida e enganada dessa forma cruel. Depois que acontece não adianta chorar ou fazer discursos tolos e sem fundamento algum. Mas também meus familiares se sentem traídos pelas promessas dos quais eles votaram que por sinal são dois homens com o mesmo nome e que pretendem formar uma chapa de candidatos na próxima eleição.
Enfim, minha família dividiu seus votos mas nenhum se sente bem pelo que está acontecendo em nossa querida Pilar do Sul.
Levantem seus obesos traseiros de suas poltronas e busquem recursos para melhorar nossa segurança. Parem de falara falar falar falar e mais falar e comecem a agir por caridade. Parem de falar uns dos outros e comecem a trabalhar. Tudo bem que nossa prefeita é incompetente mas somente ficar indo ao fórum denunciar não vai adiantar se quem dirige o legislativo não corre atrás de recursos e fica como um lobo mau da política buscando os erros para conseguir seus votinhos para a próxima eleição. O povo não é trouxa e se pensa que vamos votar novamente nos senhores e senhoras estão completamente enganados. Ainda tem tempo, ainda tem tempo.

Grato ilustre jornalista Sergio Santos. O senhor está fazendo a sua parte como cidadão.

Anônimo disse...

Seria bom se fosse implantado a Guarda Municipal, assim aposto que iria diminuir muito a criminalidade em Pilar do Sul. Gente assaltos de manhã, tarde e a noite! Em todos os bairros da cidade! A policia se concentra nas periferias da cidade e os bandidos estão migrando para o centro! Será que nós munícipes teremos que tomar nossas próprias medidas de segurança? Imagina, chegar em casa e ver que foi roubada ou abrir a porte e dar de cara com um meliante? Ou até mesmo estar falando ao celular e ser roubado? O que teremos que fazer para reverter esta situação ??

Anônimo disse...

Precissa urgente uma guarda municipal na cidade vamos acordar autoridades
O NOSSO MUNICIPIO NA ERA COMO ANTES

Anônimo disse...

Há um numero crescente de motocicletas em Pilar, fora isto jogs e bicicletas motorizadas e motos de guincho, o que facilita a fuga dos locais, e como os roubos estão sendo geral, sem escolher, a quem, QUALQUER UM É SUSPEITO, e deve ser comunicado as autoridades para averiguação, vizinhos devem ter comunicação um com o outro, para quaisquer suspeita, mais de um estará em alerta e avisar 190 para que possam estar fazendo o bom trabalho deles.

Anônimo disse...

Talvez agora as autoridades reajam à violência, pois a vítima é parente próxima da prefeita. E se houver algum tipo de melhoria na segurança, acho que devemos agradecer aos bandidos!
Pois como mencionou o anonimo 19 de maio de 2015 14:35, "Será que será preciso que aconteça algo com algum de seus parentes para que as ações sejam feitas. "

Anônimo disse...

Vai um alerta aqui ao povo, internautas e autoridades policiais, tem alguns sites: F....... , onde todos vendem de tudo, cuidado, e devemos ficar alertas aos roubos na cidade e o que estão vendendo nestes sites. É a forma mais fácil de vagabundo ( 171 ) vender sem fazer força.

Anônimo disse...

Mais policiais ,guarda municipal

Anônimo disse...

Existe um peograma no play store do google chamado sinesp, e um programinha simples d pesquisa de placas de carros e motos suspeitas...baixem, usem, divulguem...

Anônimo disse...

Esse é o problema do Brasil: as pessoas acharem que sempre o outro que tem que fazer alguma coisa....
Vocês acham que um prefeito, um vereador qualquer, têm o poder pra sozinhos melhorarem a segurança de uma cidade?
Pedem mais investimentos, mas vindo de onde? Será que o povo é tão alienado a ponto de apenas ignorar a grave crise econômica que assola nosso país? Não sabem que a ordem é cortar gastos desesperadamente?!?!
Pelo que leio aqui, parece ser simples: o Prefeito, ou um vereador, faz um pedido ao Governo do Estado e pronto, teríamos mais viaturas na nossa cidade, mais policiais equipados, etc. Não param pra imaginar que é muito mais difícil e complicado do que que imaginam?!?....
Muitos falam em Guarda municipal, mas vocês têm ideia da arrecadação da cidade? Vocês acham realmente que a cidade tem orçamento para tal fim? Não se esqueçam que, como o restante do país, a cidade também passa por dificuldades financeiras, basta ver que maior empresa da cidade faliu, consequentemente a arrecadação cai, famílias ficam desempregadas, etc.
Algumas pessoas acham que é só votar no candidato e esperar que ele faça alguma mágica e resolva os problemas da sociedade...Não percebem que o problema é muito mais profundo que isso?!?! Envolve educação (ou falta dela), a crescente das drogas, falta de moralidade dos brasileiros, etc...
O grande PROBLEMA é gente mesmo, os brasileiros, ou vocês acham que estranhos vem lá de Marte pra praticar roubos em nossa cidade? Tenho a certeza que as vezes o problema está muito mais próximo do que muitos imaginam....pode ser um sobrinho roubando, um filho usando drogas e abastecendo o crime, e por aí vai. A bandidagem está por todo lado....ou vocês acham que no Brasil a segurança está melhorando e só em Pilar piorando? Acorda meu povo....
Resumindo: não adianta achar que um ou outro político vai resolver todos nossos problemas, salve engano, sempre tivemos prefeitos no mínimo honrados e de boa índole, cada um com suas qualidade e defeitos, mas que no fundo, tenho certeza, queriam o bem da cidade. Vejo aqui pessoas, mesmo que sem intenção, desejando o mal para um parente desse ou daquele político, isso é muito triste....
Ninguém vai resolver nada sozinho, as pessoas precisam se ajudar!!! Cada um pode começar olhando pra sua família, a sua volta, pensar no que pode melhorar ou ajudar.....Se quiserem ir mais longe, a cidade possui um Conselho Comunitário de Segurança, por que não ir ajudar, saber das dificuldades, participar, ver o que pode e o que não pode ser feito? Me perdoem desabafo....

Anônimo disse...

Querido amigo anônimo das 11:21.

Ou você é a própria prefeita falando, é um dos vereadores ou alguém da administração da prefeitura.
Só pode ser pelo que fala.
Quer dizer que nós somos os culpados, nós temos que cuidar do vizinho, nós temos que educar, nós temos que cuidar da segurança nas escolas, nós somos os culkpados por sermos burros.
Cai na real meu amigo político ou funcionário administrativo da prefeitura.
Quem sobe no palanque não é o povo mas quem paga tudo é o povo.
Que papinho mais sem graça esse seu.
É lógico que a obrigação de buscar verbas é do legislativo e do executivo. Afinal foram este que falaram em palanque.
Se o país está em crise a culpa é nossa?
Meu amigo ou amiga, perdeu tempo digitando essas besteiras.
Vá atrás de verbas SIM SENHOR e coloque a ideia para funcionar e busque soluções, ou você foi eleito ou é pago para isso.
E nem adianta depois falar aqui que não é político, que não trabalha na prefeitura que o povinho não é trouxa não.
SE VIRA MEU IRMÃO. se as autoridades não conseguem resolver libera o 38, 765 ou uma boa PT (não o PT partido) que damos um jeito nessa bandidagem.
desarmaram a população, sucatearam a administração publica e agora o resto é para o povo se lascar.

Só para finalizar sobre suas falas. Há!!!! vai cagar em outra moita!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Que legal meu amigo das 11:21: com essa sua fala grotesca, você conseguiu personificar essa típica pessoa que não leva o Brasil pra frente, ao qual eu me referi. Reclamão, negativo, que acha que problema é sempre "dos outros" e "não nosso". Aposto que não mexe uma palha pra ajudar. Aliás nessa sua fala, a única sugestão que deu foi pedir a liberação do porte de armas....(deve estar querendo sair por aí fazendo "justiça com as próprias mãos"). Isso só mostra o tipo de pessoa que é, onde a intolerância se sobrepõe à razão. Nem deveria entrar em discussões com pessoas do seu tipo, mas só pra salientar algumas coisas:
1) Sim amigo, nós é quem temos que educar, a educação se inicia em casa. Ela não deve, nem pode ser jogada nas costas exclusivamente de professores, prefeito ou qualquer outra pessoa que você queira.
2) As autoridades (polícia, prefeitura, etc) são os principais responsáveis pela segurança. Mas as pessoas podem ajudar sim, tenho certeza, por exemplo, que crianças (alunos) bem educadas em casa trariam bem menos problemas nas escolas.
3) Deixa eu ver se eu entendi: você quer colocar a culpa da sua burrice nos outros também? Isso é até difícil de comentar....kkk...Mas tenha só um pouco de força de vontade, comece lendo uns livros, se esforçando, tenho certeza que irá melhorar...
4) Nunca disse que é não é responsabilidade das autoridades ir buscar verbas, investimentos, etc. Lógico que é obrigação e dever deles. Apenas disse que estamos vivendo uma crise econômica grave, com grandes cortes de investimento tanto do setor público como privado, e isso é um grande obstáculo atualmente.
5) Se estamos em crise a culpa é só dos políticos, autoridades, mas não nossa? Na verdade a culpa deve ser dos Chineses...kkkk
6) Não é porque tenho uma opinião diferente da sua que sou político, prefeito, vereador, o quer que seja você falou!
Grande abraço meu amigo, boa tarde pra você!


Anônimo disse...

Meu caro anônimo das das 12h09m.
Creio que você sim é que burro, além de não entender nada que escrevi ainda me chama de burro e grotesco e de reclamão. Por isso que o Brasil está assim? Ora meu amigo a democracia nos dá o direito de reclamar quando necessário sim. Ou devemos ser vaquinha de presépio ou enfeite de sala paradinho concordando com tudo?
Estudo eu tenho o suficiente para saber quais são meus direitos, mas também não sou idiota a ponto de pensar que simplesmente falar que a situação econômica do país é a responsável pelo que está acontecendo com nossa sociedade.
Ninguém aqui falou que a educação cabe aos professores ou as autoridades.
Eu simplesmente falei que quem sobe ao palanque e jura e promete que vai fazer algo tem que fazê-lo sim.
Em nenhum momento eu isentei-me de qualquer coisa pela educação de meus filhos e nem disse que sairia atirando e fazendo justiça. Falei que do jeito que está nós temos que NOS PROTEGER com nossas armas sim. Quando você tiver alguém da sua família humilhada pelos bandidos, quando alguém da sua família levar coronhadas, ficar amarrada ou for violentada aí garanto que seu conceito vai mudar.
E para que seja mais claro eu não estou desejando mau a parente algum de alguém.
Meu caro super mega ultra master inteligente e que se julga o máximo para achar que tenho burrice V.Sª deve estar achando que pelo ditado popular que disse ao final eu sou um qualquer que não educa seus filhos ou que se envolve em qualquer confusão e que não colabora com a sociedade porque sou apolitico. Pelo contrário, garanto que já ajudei muito mais a população do que você. Mas eu não preciso puxar o saco da politicagem. Eu faço e ninguém precisa saber o que faço. Não busco receber medalhas ou homenagens e nem preciso colocar minha pós para todo mundo ver. Nem face tenho para não ficar mostrando.
Apenas exerci aqui o meu direito de cidadão de expressar meu descontentamento sem ofender a ninguém.
E como eu sou caipira de Pilar do Sul mesmo tenho mais um dito popular para você.

Vai chupar prego até virar tachinha que é melhor.

Viu? Não mandei você defecar em outro local provido de arbustos que não seja esta que estamos.

Esqueci também. Vai ler uns livrinhos. Se não tiver em casa me avisa que eu mando alguns da minha biblioteca.

Anônimo disse...

É amigo, talvez eu não tenha entendido seu texto. Mas com vários erros de concordância, de gramática, de pontuação, fica difícil mesmo. Se realmente você tem "pós", isso só mostra como anda o nível de educação no país. Mas quero tentar te entender. O que você quis dizer nessa frase?

"Quer dizer que nós somos os culpados, nós temos que cuidar do vizinho, nós temos que educar, nós temos que cuidar da segurança nas escolas, nós somos os culkpados por sermos burros"

Desculpe se entendi errado, mas na minha opinião você próprio tinha se intitulado burro (?!?!). Além disso, talvez tenha faltado um ponto de interrogação no final da frase pra ela fazer mais sentido. De qualquer forma, você mesmo pode me explicar o que quis falar.

Também não chamei você de grotesco. Se você perceber melhor, escrevi que sua fala era grotesca.

Não achei que fui mal educado no primeiro texto, com o qual o senhor se revoltou. Se você mesmo fala que numa democracia podemos reclamar, emitir opiniões, por que eu não poderia dar a minha? Por que se revoltou?

Em relação ao porte de armas, não existe certo ou errado, apenas opiniões diferentes. Mas só para embasar minha opinião, digo que existem várias pesquisas que dizem que o número de homicídios aumenta quase que proporcionalmente ao número de armas que a sociedade possui. Porém, como disse, são opiniões. Respeito a sua.

Só pra salientar, não sou fã de política, não tenho face e também faço caridades sem esperar "medalhas e homenagens" por isso. Ah, além disso, gostaria de falar que também já passei por situações de violência, assalto, etc. Mas, graças a Deus, isso não me traumatizou a ponto de "estar com a faca nos dentes", querendo ter uma arma para dar um "fim na bandidagem" como você disse.

E só um conselho: relaxa cara, você parece estar revoltado com a vida. Menos estresse, ok?









Postar um comentário

PUBLICIDADE