Janete e Maria Lucia cobram do DER solução urgente para a cratera na SP-264

A prefeita Janete Carvalho e a deputada estadual Maria Lucia Amary reiteraram a reivindicação para que o DER - Departamento de Estradas e Rodagem, realize com urgência as obras de recuperação da erosão na rodovia Francisco José Ayub (SP-264) e que já comprometeu os dois lados da pista no km 137,4 no bairro Panorama (leia aqui).

A cratera já consumiu o acostamento no sentido Pilar do Sul à Salto de Pirapora e danificou a terceira faixa no sentido contrário e põe em risco os usuários dessa importante rodovia que liga a região sudoeste do estado, Pilar do Sul, São Miguel Arcanjo, Capão Bonito, entre outras, a metrópole Sorocaba e a capital.

A rodovia é estadual e de inteira responsabilidade do governo do estado e, por lei, a prefeitura não pode intervir e realizar a obra.

De acordo com o chefe de gabinete, segurança e trânsito, Beto Jordão, a Prefeitura de Pilar do Sul encaminhou ofícios ao governo do estado e ao DER cobrando uma solução para o problema. O primeiro deles foi feito em 09 de dezembro do ano passado e reiterado diversas vezes. Jordão explicou que, o que cabia a prefeitura, foi feito, como o melhoramento da sinalização do local.

A prefeita Janete disse que está preocupada e empenhada em cobrar do DER uma solução para o problema o mais rapidamente possível.

“Entendemos a cobrança e a expectativa daqueles que fazem o uso da SP-264, o que é muito justo, diga-se de passagem. Mas, é necessário que a população compreenda que a Prefeitura, legalmente, não pode intervir em um patrimônio administrado pelo Estado. O que podemos fazer é o que estamos fazendo, buscando acelerar uma ação mais rápida do governo do estado e do DER, além de sinalizar e monitorar o local”, disse Janete.

A deputada Maria Lucia também interviu junto ao DER cobrando uma solução para a cratera na SP-264. Ela enviou oficio cobrando uma posição da autarquia.

No dia 11 de setembro o engenheiro Alfredo Moreira de Souza Neto, diretor regional do DER, em Itapetininga, respondeu a deputada, mas, novamente não estipulou prazo para início das obras.

O chefe do DER disse o órgão “elaborou estudos elementos básico visando a licitação das obras e serviços de recomposição do aterro, a restauração do pavimento da terceira faixa” de dois trechos da SP-264, nos quilômetros 137,4 e 142, e que o estudo “encontra-se com carga na diretoria financeira do DER para liberação de verba no valor de R$ 666.103,39 e a abertura do processo de licitação para solucionar o problema em questão”.

Veja abaixo a íntegra do documento enviado pelo DER a Valter José Nunes de Campos, assessor da deputada Maria Lucia Amary:




Leia: Com chuvas, cratera aumenta e põe em perigo quem transita pela SP-264
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

7 comentários:

Anônimo disse...

Agora que a erosão se agravou mais ainda, vão tomar providências ??
faz muuuito tempo que aquela cratera vem se abrindo e o que fizeram ?
NADA ! apenas colocaram cones para "sinalizar" um perigo que era e ainda é eminente !
Graças a Deus ninguém sofreu nenhum acidente devido a isso .

Na minha opinião , isso é um descaso com a população !

Anônimo disse...

Novamente, bom dia a todos! Acredito ser unânime o pensamento de que essa via é a principal da nossa cidade, que o problema é antiguíssimo, assim como a incompetência administrativa em geral. Acredito que a municipalidade deveria ficar mais em cima, se oficios não funcionam, que vá pessoalmente, que pressione, que participe da reunião altercada na matéria anterior sem ser convidada, que leve a imprensa, que leve o povo, é assim que as coisas funcionam....infelizmente. Não deveriamos agir assim, esperar que o mal aconteça, na certeza que ele acontecerá e que poderia ser evitado. Outra coisa, 434$mil ??? rsrsrs, por menos da metade se faria obra que resolvesse o problema..... Imaginem quando tudo desabar (e não vai demorar), alguém morrer (ou vários), o transtorno de ficar sem essa rodovia por meses (ou anos).....enfim, pra segurar dois barranquinhos temos muito "chororô" e iriam 434mil (matéria anterior) - agora falam em 666.103,39....sim , inclusive 0,39 centavos! Se desabar levarão anos e quantos milhões?????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

obs.: digo barranquinhos com convicção porque estamos falando do ESTADO de São Paulo, o mais rico e arrecadador do país, com apoio de uma prefeitura, a maior e mais forte "empresa" da cidade, e agora com novo reforço que nada adiantou: a sra. deputada; seriam sim dois barrancões se fossem pra eu arrumá-los.

A burrocracia impregna....impera.... destroi

att. Rodrigo, cidadão preocupado com o grande transtorno que isso está prestes a causar.

alex disse...

Esse DER está de brincadeira, falar que a obra vai custar R$ 666.103,39.Por isso que o País está na situação que está, dinheiro público tem que ser usado com responsabilidade, fazendo mais com menos, garanto que com 30% desse valor dá para solucionar o problema.

Anônimo disse...

lembram daquela cratera ha uns três anos atrás próximo do boa vista??quantos acidentes esperaram acontecer ali para tomarem uma decisão .Acho q estão esperando acontecer a mesma coisa nessa cratera para fazerem alguma coisa

Félix Hashiguchi. disse...

Sinto muito...Mas todo esse blá blá blá de dinheiro a gente já está até acostumado meus caros... Mas agora...Monitorar o local???? Passo todos os dias por lá e só vejo cones que parecem estar cansados de ficar ali esperando providências (sem falar dos que ja caíram do barranquinho). Local monitorado por quem? Somente por Deus! Monitoria até onde eu sei é estar no local diretamente e não ir uma vez por dia para medir quatos centímetros (R$ milhões) já desbarrancaram. Monitorar não vai travar o asfalto no lugar, mas se realmente estivesse algúem lá, monitorando e sinalizando aos motoristas até que vá... Nunca vi um ser humano lá...Nem pra resgatar os cones que pedem socorro lá de baixo. Lamentável tudo isso.

Anônimo disse...

Concordo plenamente com tudo que foi dito até agora. Se não resolve por ofícios, e-mails, cartas é necessário "botar a boca no trombone", mas tem que resolver, o que não pode é cruzar os braços e achar que a prefeita fez a parte dela só por ter mandado email ou ofício. Atitudes são necessárias até que se resolva. Cobranças insistentes. Com essa passividade não se chega a nada!!!!!

Anônimo disse...

monitorar o local???kkkkk, rindo até 2.020 kkkk, só DEUS prá nos guardar....

Postar um comentário

PUBLICIDADE