TRE confirma fechamento do Posto de Atendimento Eleitoral em Pilar do Sul

Posto Eleitoral de Pilar do Sul / Foto: Sergio Santos/Arquivo.
Em contato com a redação do Blog do Sérgio Santos, o chefe do Cartório Eleitoral da 89ª zona eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), Nivaldo Dias de Moraes, confirmou o fechamento do Posto de Atendimento Eleitoral em Pilar do Sul. As razões, explicou, foram técnicas.

O posto funcionava em um prédio cedido pela Prefeitura de Pilar do Sul na rua Orlando de Almeida Sales, em frente a rodoviária. Além do prédio, a Prefeitura arcava com as despesas de aguá, energia e telefone e, ainda, cedia duas funcionárias para o TRE.

Veja a nota encaminhada pelo TRE:

A Justiça Eleitoral comunica que, por questões estritamente técnicas, o posto de atendimento ao eleitor de Pilar do Sul foi fechado.

Assim, a partir de agora, quem for morador de Pilar do sul e precisar fazer o primeiro título de eleitor, alterar dados cadastrais ou realizar transferência de domicílio precisará, necessariamente, realizar agendamento no site do TRE pelo endereço eletrônico: www.tre-sp.jus.br/agendamento ou pelo telefone 148.

Após efetivar o agendamento a pessoa interessada deverá comparecer, na data e horário agendados, ao cartório eleitoral de Piedade, munidos dos documentos pessoais e comprovante de residência. As pessoas do sexo masculino, com idade entre 18 e 45 anos, deverão apresentar também o certificado de reservista ou outro documento equivalente.

Desde o início de setembro, o TRE está realizando o recadastramento biométrico para todos os eleitores de Pilar do Sul, sem exceção, e para isso eles terão que comparecer em Piedade.

Documentos como quitação eleitoral, certidão de crimes eleitores e outras informações poderão ser obtidas via internet nos endereços eletrônicos: www.tse.jus.br ou www.tre-sp.jus.br.

O TRE orienta os eleitores para que, antes de ir ao Cartório Eleitoral, acesse a internet ou ligue 148 com antecedência para evitar “desencontros”.

Serviço
Cartório Eleitoral do TRE
Rua Dr. Campos Sales, 66 - casa 02
(atrás do mercado municipal)
Centro – Piedade – SP
Telefone: (15) 3244-2088.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

16 comentários:

Gabriela Caetano disse...

É um absurdo isso, ao invés da cidade progredir em relação há outras estamos regredindo e novamente dependendo de Piedade...

Anônimo disse...

Pois é, pensei que os argumentos para a retirada do posto fossem mais agravantes, afinal atendem toda uma cidade!

Anônimo disse...

Gostaria de saber se é obrigatório o recadrastamento ( BIOMÉTRICO) ?? Por favor Sergio Santos vc pode me informar? OBRIGADO...

Sergio Santos disse...

Está na notícia: "...o TRE está realizando o recadastramento biométrico para todos os eleitores de Pilar do Sul, sem exceção, e para isso eles terão que comparecer em Piedade".

Anônimo disse...

Isso é realmente um absurdo! Quer dizer que toda a população votante tem que se deslocar até Piedade, gastar gasolina, dia de trabalho (pois a maioria trabalha) para fazer cadastramento biométrico????? Não poderiam pelo menos marcar um mutirão para fazer o cadastramento biométrico em Pilar do Sul? Pelo menos 1 mês? Vai poupar o tempo, combustível e salário de muita gente. Por favor encontrem uma solução!!! Para quê pagamos impostos???

Anônimo disse...

Que Vergonha A Cidade Não está evoluindo e Voltando a Depender de Piedade Que Vergonha Meu Deus!!!

O cidadão disse...

Corrigindo gente, devagar com o andor...não precisa estressar...é só quando for primeiro título, transferência ou regularização de dados cadastrais, transcrevi a notícia, segundo parágrafo:

"Assim, a partir de agora, quem for morador de Pilar do sul e precisar fazer o primeiro título de eleitor, alterar dados cadastrais ou realizar transferência de domicílio precisará, necessariamente, realizar agendamento no site do TRE pelo endereço eletrônico: www.tre-sp.jus.br/agendamento ou pelo telefone 148."

O cidadão disse...

O quarto parágrafo da notícia tem o contrário, e agora Sérgio...quem poderá nos esclarecer?"
CHAPOLIM...KKKK!...me perdoem a brincadeira...mas tá confuso mesmo, o segundo parágrafo tem um coisa e o quarto outra....até amanhã teremos a resposta...vou ligar no cartório eleitoral em Piedade...

O cidadão disse...

Concluindo, notícia do site do TRE - SP, o RE - cadastramento, ainda não é obrigatório, será até 2018, por ora, como disse no meu primeiro comentário, somente os primeiros títulos, regularização e transferência....então calma né gente...esse pessoal ficava coçando a JACA, as custas de nosso suado dinheiro público, quando não era época de eleição mesmo....pelo menos dá um serviço pra pessoa que estava lá fazer (era funcionária municipal), ao invés de ficar tricotando no período não eleitoral...

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) estendeu o cadastramento biométrico para os cartórios eleitorais de todo o Estado. Com essa medida, o tribunal paulista pretende ampliar a curto prazo o número de eleitores com biometria, a fim de atender meta estabelecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A partir de 1º de outubro, o eleitor que procurar o cartório para solicitar o título pela primeira vez, fazer a transferência de domicílio eleitoral ou revisão de dados, passará pelo cadastramento biométrico, o que inclui a coleta das digitais de todos os dedos das mãos, além de fotografia e assinatura digital, quando disponível.
Segundo o presidente do Tribunal, desembargador Antônio Carlos Mathias Coltro, apesar de o comparecimento não ser obrigatório, é muito importante que todos façam o cadastramento. “Estamos adiantando esse trabalho aos poucos para não causarmos transtornos aos eleitores, tendo em vista nosso expressivo eleitorado”, explica.
O presidente alerta que se deixarem de atender ao chamamento da Justiça Eleitoral, os eleitores “poderão enfrentar grandes filas num futuro não muito distante”. A meta do TSE é cadastrar todo o eleitorado do Brasil até 2018.

O cidadão disse...

Fechando mesmo, agora é verdade, o AGENDAMENTO É OBRIGATÓRIO, não o comparecimento, ou seja, quando formos REcadastrar, temos que agendar pela internet primeiro, é isso, agora, o comparecimento, por enquanto, somente para aqueles casos que mencionei antes...

Anônimo disse...

Independente de ser ou não para todos como citou O cidadão, tirar o cartório daqui prejudicará ainda muita gente, pois qualquer q seja o problema com o título teremos q nos deslocar até piedade, sendo que antes era aqui!!!!

Anônimo disse...

REALMENTE O POVO É ENGRAÇADO :- QUANTO O CARTÓRIO ESTAVA FUNCIONANDO ,POUCA GENTE VINHA ,AGORA QUE SABEM QUE FECHOU É UM MONTE DE GENTE RECLAMANDO .AGORA QUANTO A EXPLICAÇÃO PARA O FECHAMENTO "POR QUESTÕES ESTRITAMENTE TÉCNICAS" TODO MUNDO ENTENDEU NÉ ?????? QUE QUESTÕES TÉCNICAS SÃO ESSA???

Anônimo disse...

Está bem claro agora, Obrigado por esclarecer minhas duvidas Sergio Santos!!!!!!!

Anônimo disse...

E a Senhora Prefeita e demais autoridades desse Município não vão tomar nenhuma providência?, pois a medida trará atrozes prejuízos para a população pilarense que aguarda, ao menos, uma resposta convincente das autoridades locais, pois, a simples alegação de questões técnicas não cola. A população pilarense merece mais respeito e os políticos locais devem defenderem seus municípes com mais vigor, senão, no futuro o Fórum, o Cartório de Imóveis, etc.., voltam também para Piedade e quem vai pagar as despesas de deslocamento rotineiros de seus cidadãos para Piedade/SP.

Anônimo disse...

Saibam administrar. Se não existe tanto movimento em períodos não-eleitorais. Então abram o cartório somente em alguns períodos do ano. Exemplo: dois meses em cada ano ou então um mês a cada seis meses. É questão de saber administrar as coisas. Utilizar a cabeça. É tipo o Poupatempo que vai estar alguns dias do ano em Pilar do Sul. Isso já ajuda muita gente que trabalha e não tem tempo para se deslocar.

Anônimo disse...

Caros amigos, a prefeitura se comprometeu em atender a todas as exigências solicitadas pelo TRE, mas mesmo assim o posto foi fechado alegando motivos técnicos. Pois a questão é a aprovação junto ao TRE-SP sobre disponibilização de equipamentos de informática para o posto. Sendo assim resta a nós além de reclamar aqui neste espaço democrático, fazermos nossas reclamações junto ao TRE-SP. Cabe salientar que prefeitura ou seja nós já arcávamos com todas as despesas do posto, sendo assim o espaço e os funcionários sempre estiveram a disposição da Justiça Eleitoral.

Postar um comentário

PUBLICIDADE