Motoboy é assaltado ao entregar pizza no Jardim Colina

Um motoboy de 26 anos foi assaltado na noite de segunda-feira (07) por volta de 22h no Jardim Colinas.

A pizzaria em que ele trabalha recebeu uma encomenda por telefone. O motoboy foi fazer a entregar e chegando ao local, na rua major Euzébio de Moraes Cunha, não encontrou o número da casa informado pelo suposto cliente.

Quando o motoboy parou para ligar para a pizzaria para confirmar o endereço, surgiram dois indivíduos morenos. Um deles o segurou e o outro encostou uma faca em seu pescoço e ordenaram que ele entregasse a carteira e o celular. Após o roubo, os ladrões fugiram.

Foram levados a carteira contendo a quantia de R$ 137 em dinheiro, cartões bancários e de crédito, os documentos da vítima e da motocicleta e um celular, marca LG preto.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia, mas por causa da pouco luminosidade da rua, a vítima não soube informar as características dos ladrões.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

7 comentários:

Anônimo disse...

Sérgio esse problema de luminosidade no município ta se agravando cada vez mais, nossas ruas estão se tornando escuras dia a dia, são lampadas queimadas, ou acendem apaga, sem que os responsáveis tomem providências, proporcionando assim o ambiente ideal para que os criminosos tenham total tranquilidade para "trabalharem", somos duplamente tarifados pela iluminação pública, que é cobrado no IPTU e na conta de energia elétrica é esse o resultado, somos assaltados por bandidos que se aproveitam da escuridão proporcionada pelos responsáveis de efetuar a manutenção da iluminação pública, se tal caso fosse nos Estados Unidos, bastaria uma ação no judiciário para se receber a reparação do dano em parte causado pelo poder público que não cumpre seu dever, ou seja, pelo executivo que não fez a manutenção, e pelo legislativo que não fiscalizou.

Unknown disse...

Mas se ele foi assaltado, logo ele foi roubado, não ouve uma redundância no Titulo da postagem ?!

Anônimo disse...

Mandaram ele saltar da moto ficar saltado para depois em seguida eles roubarem.
Como ele não saltou ficou assaltado por não saltar por que a letra a significa não então a saltado fica assaltado.
Pela nova reorganização escolar da datilografia e orotpediografia regionalizada do dicionário afroitalogrecoromano brasileiro Assaltar = ato de não saltar da moto.
Colocação = ele foi assaltado depois roubado.
Traduzindo Ele não saltou por isso foi roubado.
É uma REDUNDANCIA VERBETICA ADJETIVADA USADA para definir algo que poder ser ou não ser mas sendo poderia não ter sido ou ser se algo fizesse ser podendo até mesmo não ser desde que futuramente seja sendo usada como ato de ser ou se ser.
Não sei porque ficam reclamando do Sérgio pois a língua portuguesa é fácil de entender e a minha explicação foi simples, qualquer professorzinho mestrado em línguas consegue decifrar e ordenar.

Sergio Santos disse...

kkkkkkkkkkkkkkk... Estou retirando o "roubado", ok?... Eu me divirto com esses anônimos!.... kkk

Anônimo disse...

Rapaz do céu ,esse anonimo aí das 18:49 parece o professor PRAXEDES das antiga novela FERA FERIDA ,que diga se de passagem está reprisando no canal VIVA.E esse anonimo que reclamou do roubado e assaltado ? Tanto faz ,dá pra entender que ele foi surrupiado,lesado ,roubado assaltado e agora ele tá assustado!

Anônimo disse...

Meus deus, não há paz nem para poder trabalhar em paz, nem em casa estamos mais seguros, que falta de pegar em uma inchada e ir trabalhar esses bando de vagabundos que deus nos proteja

rodrigo disse...

KKKKKK

Postar um comentário

PUBLICIDADE