Pilar do Sul atinge 100% de cobertura na vacinação contra a febre aftosa

Pilar do Sul tem o maior número de pecuaristas e o terceiro maior rebanho da RMS
Luiz Carlos acompanhado uma das vacinações / Foto: Divulgação.

O município de Pilar do Sul atingiu 100% de cobertura na segunda etapa da campanha nacional de vacinação contra a febre aftosa. Apenas outros dois municípios da Região Metropolitana de Sorocaba (RMS) alcançaram este resultado: Boituva e Salto de Pirapora.

Os números são do Escritório de Defesa Agropecuária (EDA), em Sorocaba, órgão da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento.

Segundo Luiz Carlos dos Santos, técnico de apoio agropecuário, responsável pela unidade da EDA que atende Pilar do Sul, Tapiraí, Piedade e Salto de Pirapora, 503 pecuaristas pilarenses aderiram a campanha, nas quais foram imunizadas 16.648 animais, entre bovinos e bubalinos, perfazendo a cobertura de 100% do rebanho existente no município.

Na avaliação de Luiz Carlos dos Santos a ampla adesão dos criadores e o empenho da equipe de funcionários da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Casa da Agricultura), que foi parceiro na campanha, contribuíram para o município alcançar esse importante resultado.

“Com essa cobertura de 100% criarmos uma barreira sanitária importante para o município, evitando que aja foco da doença, além de evitar que os criadores recebam multas por não imunizarem seus animais”, disse Luiz Carlos.

Em Pilar do Sul, a exemplo do que ocorre em todo o país, a Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa é realizado anualmente em duas etapas: em maio, quando são vacinados todos os animais com até dois anos de vida e, posteriormente, em novembro, com a vacinação de todo o rebanho. O estado de São Paulo é considerado zona livre de aftosa, com vacinação.

Brucelose

Paralelamente a vacinação contra a aftosa, foi realizada a vacinação contra a brucelose, obrigatória para bezerras de 03 a 08 meses de idade.

Do rebanho de bubalinos a cobertura foi de 100%, com 352 animais imunizados. Já o de bovinos a cobertura foi de 93,86%. De um total de 505 animais, 31 não foram vacinados e seus proprietários, 23 no total, foram notificados e multados pelo EDA.

Pilar tem 503 pecuaristas e mais de 16 mil cabeças de gado

De acordo com as informações de Luiz Carlos Santos, Pilar do Sul conta com 503 criadores de bovinos e bubalinos e um rebanho de 16.721 cabeças de gado.

Do total de pecuaristas existentes no município, 413 criam apenas bovinos, 55 criam apenas búfalo e 35 criam búfalos e bovinos ao mesmo tempo.

Outro dado importante informado pelo técnico da EDA, é que Pilar do Sul é disparada a cidade da Região Metropolitana (RMS) com maior número de propriedades pecuaristas: 503. A segunda colocada é Piedade com 367 criadores e Itú aparece em terceiro com 360.

Na região de Sorocaba, Pilar tem o terceiro maior rebanho de bovinos e bubalinos (16.721) perdendo apenas para Itú (28.978) e Porto Feliz (22.213).

Pilar do Sul tem um plantel de 3.079 búfalos e 13.601 bois.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE