Prefeitura cobra DER por obra de recuperação de cratera na SP-264

Cratera consome parte da pista / Foto: Arquivo / Sergio Santos.
Nesta segunda-feira (25) o secretário de gabinete, segurança e trânsito Beto Jordão, representando a prefeita Janete Carvalho, esteve mais uma vez na sede regional do DER (Departamento de Estradas de Rodagem) para cobrar agilidade e o início imediato das obras de recuperação da erosão que consome o acostamento e a terceira faixa no km 137,4 da rodovia Francisco José Ayub (SP-264) na altura do Jardim Panorama.

No local, existe uma enorme cratera que começou a se formar em meados de 2014 no trecho que fica entre Pilar do Sul e Salto de Pirapora. A SP-264 é a principal ligação entre o sudoeste do estado com Sorocaba e a capital e por ela passam veículos de passeio, ônibus e, principalmente caminhões, escoando a produção agrícola da região.

Por lei, como a estrada é estadual, sob jurisdição do DER, a Prefeitura não pode intervir e realizar, ela mesma, a obra. Mas, desde o início, a Prefeitura vem notificando o DER e o governo do estado, responsáveis pela rodovia, cobrando uma solução para o problema, que põe em risco quem trafega pelo trecho.

O engenheiro Alfredo Moreira de Souza Neto, diretor do DER, lotado na regional de Itapetininga, disse que a licitação foi feita e que a empresa Firpavi Construtora e Pavimentação S/A foi contratada para executar o serviço.

Sergio, Beto, Alfredo e Geni / Foto: Blog do Sérgio Santos.
Souza Neto disse explicou que a licitação está a cargo da secretaria de logística do estado, que faz todo o trâmite burocrático e os aspectos legais, e que a regional do DER, em Itapetininga, cabe acompanhar o operacional e fiscalizar a execução da obra.

Questionado o porquê da demora, entre a licitação, ocorrida em 06 de novembro, e o início efetivo da obra, o diretor do DER respondeu: “O contrato está praticamente concluído e aguardando a ordem de serviço. Mas todo o procedimento é burocrático. A licitação envolve uma série de aspectos. 15 empresas participaram da licitação. Todas elas podem interpor recursos e a lei 8.666 (licitação) impõe uma série de regras e prazos que devem ser seguidos e isso atrasa o procedimento”, disse. 

Alfredo Moreira de Souza Neto reconheceu a insistência da prefeita Janete Carvalho que enviou diversos ofícios cobrando a realização da obra. “Desde 2014 estamos sendo notificados e cobrados pela prefeita Janete, deputada Maria Lucia, e demais autoridade. Mas o que estava no alcance da regional do DER foi feito, mas a licitação, contratação e a emissão da ordem de serviço são feitos pelos órgãos do estado”, disse. “Eu estou torcendo para que comece logo e estou cobrando o pessoal de lá (governo do estado) a liberação da ordem de serviço e o início da obra”.

Os jornalistas Sérgio Santos e Geni Alves, de O Jornal, acompanharam Beto Jordão na reunião com o diretor do DER que, sem precisar datas, afirmou que as obras devem começar nos próximos dias.

Leia também:
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

1 comentários:

Anônimo disse...

Estão esperando acontecer acidentes para depois fazerem alguma coisa.É sempre a mesma história.Como aconteceu c aquela enorme cratera em 2013.só arrumaram a estrada quando houve um grave acidente próximo à ela.Enquanto não cair um veículo nesse buraco,não vão fazer nada.pagar IPVA pra quê?

Postar um comentário

PUBLICIDADE