Pais negam falta de cadeirinha para as crianças no acidente que matou a bebê Lorena

Lorena tinha nove meses / Foto: Reprodução.
André Kamonseki e sua esposa, Juliana Lucas Flora, contestaram a informação divulgada pela imprensa de que a criança Igor, de 03 anos, estava sem a cadeirinha e de que a cadeirinha da bebê Lorena, nove meses, que morreu no acidente, estaria afixada de forma irregular.

O acidente com a família foi provocado por uma motorista embriagada no início da madrugada de domingo (14) no km 126 da rodovia SP-264, entre Pilar do Sul e Salto de Pirapora (leia aqui).

Em reportagem publicada no site G1 e exibida na TV Tem o tenente da Polícia Rodoviária, Leandro Fonseca, disse que a bebê Lorena estava na cadeirinha tipo bebê-conforto, mas que a batida foi tão forte que ela não resistiu.

O tenente disse ainda que apenas o laudo da perícia técnica vai comprovar se a cadeirinha da bebê estava colocada de maneira correta no veículo.

Já com relação a criança Igor o tenente Leandro Fonseca afirmou que ele era transportado sem a cadeirinha, o que a família contesta.

A reportagem do Blog do Sérgio Santos e a repórter Elis, da TV Record, o pai das crianças, André Kamonseki, afirmou que foi até o local do acidente e constatou que as duas crianças estavam devidamente e corretamente acomodadas em suas cadeirinhas.

"Inclusive o Igor foi removido do local na cadeirinha, porque apresentava fratura do fêmur e os socorristas acharam melhor transportá-lo na cadeirinha para evitar que a lesão se agravasse. Já no hospital fui tirar meu filho da cadeirinha e o médico não permitiu”, disse André.

“Se ele estivesse sem cadeirinha não teria resistido. Se minha esposa, com cinto de segurança ficou bastante ferida e a Lorena que estava no bebê-conforto morreu, imagina se o Igor estive sem a cadeirinha?”, questiona o pai. “Sempre foi uma preocupação nossa, de transportar as crianças adequadamente nas cadeirinhas. Sempre”, finalizou.

Igor continua internado no Hospital Regional e seu estado de saúde é estável. Ele sofreu diversas lesões e fratura no fêmur, foi submetido a uma cirurgia e não corre risco de morte.
Bêbada, Maria de Lourdes Marinho, 53 anos, provocou o acidente.
Foto: Reprodução do Facebook.

A causadora do acidente continua internada e também não corre risco de morrer. De acordo com o delegado Gilberto Montenegro, que preside o inquérito sobre o acidente, assim que deixar o hospital Maria de Lourdes de Souza Marinho, 53 anos, será encaminhada para o presídio feminino de Votorantim, uma vez que ela foi autuada em flagrante acusada de embriaguez ao volante, homicídio doloso e dupla tentativa de homicídio, com dolo eventual.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

11 comentários:

Anônimo disse...

Essa é a verdade, a imprensa tem um trabalho importantíssimo na divulgação da notícia, mas deveriam apurar os fatos e passar a população com clareza e veracidade . Igor estava sim com a cadeirinha e por questões de segurança foi transportado na mesma até o hospital. Além do trauma a família ainda tem que aturar esse tipo de injúria .

Anônimo disse...

Gente, pelo amor de Deus parem de criticar e questionar, os pais e familiares estão sofrendo muito e ainda tem q ficar ouvindo certas lorotas. Pelo que conheço dessa família, são muito atenciosos com os filhos, e o pai já não disse que o garoto foi socorrido na cadeirinha, então chega,tenham compaixão dessa família e Oremos por eles, o sofrimento e muito grande, só Deus prá confortar.

Anônimo disse...

O interessante é que agora querem parece amenizar o que o bêbado fez, e levar a culpa em quem estava dirigindo pela sua mão. É pra acaba, , é um universo de inversão de valores.

anônimo disse...

Pura verdade pois estava no hospital quando chegou o acidente..e a criança estava sim na cadeirinha pois o médico não deixo tirar até fazer exames por segurança da criança. .sou justa com as coisas sou prova que vi a criança de três ano..na cadeirinha..

anônimo disse...

Eu vi a reportagem..e achei estranho. Pois na noite do acidente.eu estava no hospital. E vi a criança na cadeirinha.pois o médico. Não tirou a criança da cadeirinha por segurança da criança até fazer os enxames .não tou louca a cadeirinha está sim com a criança. .

Sergio Santos disse...

Conversando com os Pais, familiares, amigos e após ler os diversos comentários, me ocorreu o seguinte:

Será que os PMs Rodoviários não viram os socorristas levar a criança junto com a cadeirinha? Ai ao fazer o BO eles procuraram a cadeira e não acharam e deduziram que a criança Igor estava sem a cadeirinha?. Pode ser isso.

A sugestão é esclarecer isso com o delegado Gilberto Montenegro, que preside o inquérito.

Porque quem está afirmando que a criança estava sem cadeirinha é o TENENTE LEANDRO FONSECA... A imprensa apenas reproduziu o que o OFICIAL declarou.

Anônimo disse...

verdd Sérgio e as pessoas q viram a criança na cadeira podem ser testemunhas pela família.

Anônimo disse...

eu passei no local minutos apos o acidente, a mae estava sendo colocada na ambulancia e a criança foi retirada do carro SIM na cadeirinha e foi levado com cadeirinha para a ambulancia, deve-se apurar direito os fatos e o que realmente aconteceu antes de julgar que a mae estava levando o filho de forma irregular, alias isso nao deveria vir ao caso no momneto sendo que ela teve percas irreparaveis por causa da imprudencia de uma pessoa fria e sem coração. Mas posso afirmar que o Igor foi socorrido na cadeirinha SIM.

Anônimo disse...

Foi essa mesma a v... que quase causou um acidente no 31/01/16 na 264 altura do quintas de Pirapora, eu parei e chamei ela de louca sem noção e ela simplesmente me ignorou e fez gestos obscenos, cadeia mesmo nesta v..., oque esperar de alguém que não ama a própria vida que dirá a do outro.

Anônimo disse...

Sergio onde esta a liberdade de expressão? Vc publicou um anonimo falando mal do povo de pilar, o comentário da pessoa era depreciativo com respeito aos moradores da cidade . Dai fiz um comentario sem ofender ninguém, e vc não publicou! Não entendi.

Anônimo disse...

Uma pena, mas tudo vai se resolver!!
Gentee olhem a cara dessa irresponsável, assassina!
cadeia pra ela!!

Postar um comentário

PUBLICIDADE