Casal fica ferido em colisão de carro contra cavalo na rodovia SP-264

Foto: Divulgação.
A irresponsabilidade de proprietários de animais, que os deixam soltos as margens das rodovias, aliada a total falta de fiscalização por parte do DER (Departamento de Estradas e Rodagem), fez mais duas vítimas na noite do último domingo (28) na rodovia SP-264, em Salto de Pirapora.

Por volta de 22h um casal trafegava com seu carro GM Celta pela rodovia Francisco José Ayub (SP-264) – sentido Pilar do Sul, quando no km 127, próximo à entrada do bairro Quintas de Pirapora, colidiram de frente contra um cavalo que caminhava no meio da pista.

“Eu vi dois cavalos na margem da rodovia e pensei: ainda bem que não estão na pista. Mas imediatamente, com o farol do carro que vinha no sentido contrário, vi outro cavalo no meio da rodovia e não deu tempo de desviar”, disse o assistente de logística de 28 anos.

O impacto foi tão forte que o cavalo foi parar dentro do carro, em cima da mulher que estava no banco do passageiro. A barriga do animal se rasgou e as suas vísceras caíram sobre a vítima.

“Por sorte o banco estava com defeito e se inclinou para trás, evitando que algo mais grave acontecesse a minha esposa”, disse. “Com a freada o animal saiu de dentro do carro e ficou em cima do capô”.

A mulher, de 31 anos, teve cortes no rosto e escoriações no braço, ombro e mãos. O motorista teve escoriações leves. Ambos foram socorridos pelo SAMU à Santa Casa de Salto de Pirapora. O homem foi medicado e liberado, mas a mulher dele ficou internada por 24 horas e depois foi transferida ao Hospital Regional de Sorocaba para exames especializados que não constatou nenhuma fratura. “Ela já teve alta, tem muitas dores, mas, graças a Deus, está se recuperando bem”, disse o marido.

A ocorrência foi registrada pela Polícia que deve investigar, identificar e responsabilizar o irresponsável proprietário do animal, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O carro ficou bastante danificado e foi recolhido ao pátio do guincho. “Agora quero saber quem vai ressarcir meu prejuízo. Eu voltei ao trabalho, mas minha esposa é autônoma e está sem trabalhar, além dos danos do carro” desabafou a vítima.

Fotos: Divulgação.





No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

11 comentários:

Anônimo disse...

Vou falar uma coisa, mtos vao achar q é coisa de louco, mas vamos la: carro n tem documento? Qdo se envolve em acidente, furto, logo sabemos quem é o proprietário. Pq animal n pode ser controlado tbm? Perguntem, mas como? Simples, criamos uma lei e todos os animais desse brasil afora sejam identificados por um chip. Logo, se um animal for vendido para alguem um banco de dados vai nos dizer d quem é um determinado animal. Em casos d irresponsabilidades como essas ficaria facil processar o proprietario. Mas, como vivemos no Brasil....sera sempre assim. Dar graças a Deus pelo casal sair ileso....podia ser pior, podia ser com algum d nós....Lastimavel...

Sergio Santos disse...

Olha o que diz a legislação, que NUNCA é cumprida: Lei prevê até cadeia para quem deixar animais soltos.

Todos sabem o risco que representa animais soltos nas ruas e rodovias, principalmente os de grande porte, como equinos e bolvinos, que podem causar acidentes e até mortes.

O proprietário de um animal que o deixa solto nas ruas e rodovias pode ser enquadrado no artigo 132 do Código Civil, por expor a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e risco iminente.

O proprietário irresponsável também pode ser enquadrado no artigo 31 do Código Penal, na Lei de Contravenções Penais, por “deixar em liberdade, confiar a guarda a pessoa inexperiente ou não guardar com a devida cautela animal perigoso”. Isso significa que, independentemente do animal, se ele demonstra esse perigo para terceiros, o proprietário pode responder por crime.

Já o artigo 31 do Decreto-lei 3.668 de 1941 diz que omissão de cautela na guarda ou condução de animais é uma contravenção penal sujeita a pena de prisão simples, de 10 dias a 2 meses, ou multa.

Anônimo disse...

Tem um cidadão em Salto de Pirapora que é um tremendo irresponsável, tem animais e solta para pastar fora da propriedade dele as margens da rodovia, já foi comunicado as autoridades competentes e nada foi resolvido! Inclusive Domingo tinha animais dele soltos próximo a rodovia perto da cerâmica desativada, era cerca de 7:30 da noite!
Enquanto não for punido não irá tomar atitudes com esses animais!

Anônimo disse...

Semana passada tinham 3 cavalos próximo a rotatoria perto das fabricas em Salto de Pirapora por sorte era durante o dia. Mais eles estavam praticamente dentro da cidade ali. Será que nenhum órgão competente viu isso? Podem ser até os mesmos animais. Graças a Deus o casal está bem mais o animal perdeu a vida por ter um dono irresponsável e desumano...

Anônimo disse...

Inresponsável mesmo!!!correr atrás deste tipo de pessoas onde já se viu era pra ser pior graças a Deus q não aconteceu coisa pior com o casal..

Anônimo disse...

Há um mês atrás, em um sábado a noite, tinham 3 cavalos no trevo que da acesso ao bairro Campo Largo em Salto de Pirapora, comuniquei a polícia daquela cidade para tomar as devidas providências. Fiquei aguardando por volta de 30 minutos e ninguém apareceu. Você percorre de Pilar a Salto e não vê nenhuma placa de telefone, principalmente do DER, para se houver algum im previsto ou mesmo acidente você possa comunicar ou pedir socorro.
Precisamos de mais atenção por parte dos órgãos competentes.

Anônimo disse...

Quando o governador vier fazer média na região, deveria oferecer churrasco de cavalo pro mesmo.

Anônimo disse...

O Dono desses animais que sempre estão na rodovia perto do Quintas de Pirapora é um Cara que faz rodeios em Salto de Pirapora!

Anônimo disse...

verdade mesmo ,seria tudo mais fácil de se resolver os problemas,eu acho que ate cachorros deviam ser chipados .

Anônimo disse...

Passa o contato, nome, aonde mora... leomp.cruz@gmail.com

Anônimo disse...

A 1 ano atrás aconteceu isto comigo,a sorte é que consegui evitar bater de frente,o estrago foi pouco.foi uma vaca agora um cavalo e no mesmo local,até quando vai acontecer este tipo de acidente? Quando é que nossas autoridades vão tomar as devidas providências?

Postar um comentário

PUBLICIDADE