Escolas e secretaria de educação realizam mobilização de combate ao Aedes Aegypti

O Ministério da Educação (MEC) propôs uma mobilização de estudantes, professores e servidores da educação para combater o mosquito Aedes Aegypti, transmissor dos vírus da zika, dengue e da febre chikungunya.

Para o MEC, a educação é uma poderosa arma para combater o mosquito e a intenção é fazer atividades periódicas de combate ao mosquito em todas as escolas.

O objetivo é mobilizar as equipes das escolas e das unidades de saúde, familiares e comunidades, todos que fazem parte da rotina dos educandos.

Em Pilar do Sul as escolas da rede municipal de ensino fundamental e infantil fizeram caminhadas para a mobilização de toda a comunidade escolar e civil pelo combate ao Aedes Aegypti. As ações envolveram a secretaria de educação, os diretores, coordenadores, professores, alunos, agentes de saúde e da vigilância sanitária e o DETRANPS (Departamento de Transito Municipal).

Para a secretária de educação, Eloisa Renata, “é essencial que a escola seja o ambiente de prática e de debate sobre o combate à dengue”.

Acredita-se que a forma mais eficaz de prevenção e combate a esse vetor é não deixar o mosquito nascer. É muito importante que as crianças e adolescentes, junto com os familiares, possam dedicar 15 minutos por semana para eliminar os criadouros do Aedes Aegypti.

A campanha de conscientização e orientação para o combate aos criadouros do mosquito vai continuar durante todo o ano nas redes educacionais do município e de todo país.

Fonte e fotos: Secretaria Municipal de Educação


No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE