Pilar do Sul reduz casos de dengue em 88%, mas situação ainda preocupa

Em 2016 foram confirmados apenas 4 casos, contra 33 no ano anterior.

Dados divulgados pelo setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde de Pilar do Sul apontam uma redução de 88% dos casos confirmados de dengue no município em 2016.

No período compreendido entre julho de 2015 e abril deste ano foram confirmados apenas quatro casos de dengue, contra 33 em igual período no ano anterior.

Pilar do Sul não registrou até agora nenhum caso de febre chikungunya ou do vírus da zika, que provoca a microcefalia em bebes.

Este ano, até 19 de abril, foram feitas 26 notificações de suspeita de dengue, com apenas quatro casos confirmados, sendo três importados e um autóctone, ou seja, contraído no próprio município.

Para o secretário municipal de saúde, Dalton Pagianotto, a redução foi possível graças a uma série de ações desenvolvidas pela Prefeitura e pela comunidade, como campanhas educativas, recolhimento de materiais e objetos inservíveis, com potencial de ser criadouro do mosquito Aedes Aegypti, o monitoramento dos agentes de vigilância sanitária e epidemiológica e a visitação casa a casa dos agentes comunitários de saúde, que orientam a população acerca dos procedimentos corretos para combater o mosquito.

“Mas não vamos baixar a guarda, porque a situação em vários estados e municípios da região ainda são preocupantes. Vamos continuar com todas as ações de prevenção. Contamos com a colaboração da população para eliminar os potenciais criadouros do mosquito transmissor da dengue”, disse Pagianotto.

No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

PUBLICIDADE