Corpo encontrado no rio Turvo não é de Anézio Gomes, do Turvinho

Foto: Divulgação.
O IML (Instituto Médico Legal) de Sorocaba confirmou nesta quarta-feira (10) que o corpo encontrado no rio Turvo não é do senhor Anézio Gomes de Oliveira, 77 anos, que está desaparecido desde 06 de junho do bairro do Turvinho (leia aqui).

Ainda ontem três sobrinhos do idoso não reconheceram o corpo como sendo de Anézio. Hoje o IML confrontou as impressões digitais do cadáver com as do idoso e comprovou que não se trata da mesma pessoa.

De acordo com as informações da Polícia Civil e do IML, o cadáver é de um homem de meia idade, branco, calvo, estatura mediana, tinha apenas quatro dentes na boca e estava em adiantado estado de decomposição.

O cadáver foi encontrado ontem (leia aqui) enroscado em galhadas dentro do rio no bairro da Água Doce. O corpo estava apenas de cueca, envolto em um saco plástico de colchão e amarrado com fios elétricos à um pedaço de ferro de trilho de trem.

Como em Pilar do Sul não existe queixa de outra pessoa desaparecida, a polícia vai investigar desaparecidos na região para poder identificar o homem.

Os peritos da Polícia Científica não encontraram marcas aparentes de tiro ou facada e apenas o laudo final do IML, que deverá ficar pronto em 30 dias, poderá apontar a causa morte.

A polícia informou que, pelas características, o crime foi de homicídio e a ocorrência foi registrada como morte suspeita.
Corpo não é de Anézio Gomes, que continua desaparecido/Foto: Divulgação.
No Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. MTB 51.754/SP.
    Comentar pelo Blogger
    Comentar com Facebook

1 comentários:

Paola Agostinho disse...

Já foi confirmado é o tio do meu marido desaparecido ha quase um mês em Sorocaba tivemos a noticia hoje..

Postar um comentário

PUBLICIDADE