Contramestre pilarense vai à Colômbia, Rússia e Equador ensinar capoeira


O contramestre Juliano Castor participou entre os dias 23 e 25 de março em Bogotá, na Colômbia, do Palen Quilombo Workshop de Capoeira.

Castor foi um dos convidados especiais do evento, onde ministrou aulas, participou de rodas de capoeira, ensinando aos colombianos a secular arte cultural brasileira, reconhecida pela Unesco como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.

“Fico muito feliz por receber convites para levar a cultura brasileira e o nome de Pilar do Sul para o mundo. Tudo começou como brincadeira, hoje é a minha profissão e se não fosse a capoeira talvez não tivesse conhecido nem os estados do Brasil, quanto mais outros países. Tudo isso devo ao meu mestre Paulo e mestre Suassuna”, disse Castor.

Neste ano, além de várias cidades brasileiras, Castor estará em Moscou e São Pentersburgo, na Rússia, em maio, e Quito, no Equador, em junho, ministrando workshops de capoeira.

Fotos: Divulgação.


Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário