Deram positivos exames de mais dois macacos mortos por febre amarela na Cananéia


Subiu para 8 o total de animais pela doença em Pilar do Sul.

Por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), a Secretaria Municipal de Saúde informou nesta quinta-feira (05) o resultado de exames feitos pelo Instituto Adolfo Lutz que confirmam a febre amarela como a causa da morte de mais dois macacos coletados no mês de março em uma mesma propriedade no Jardim Cananéia.

Com isso, subiram para oito a quantidade de animais mortos pela doença em Pilar do Sul, três deles na Cananéia, um animal no bairro da Paineira e quatro no Pinhalzinho, todos na zona rural.

Segundo a Zoonoses este ano foram encontrados 45 macacos mortos nas regiões dos bairros Paineira, Caxangá, Cananéia e Pinhal, sendo que a maioria estava em avançado estágio de decomposição e não foi possível coletar material para exame.

Até agora não foi registrado nenhum caso da doença em humanos no município.

Vacinação permanente

A Secretaria de Saúde informou que no ano 2009 foi realizada uma ampla campanha de vacinação que imunizou 80% da população e que desde janeiro deste ano a mesma campanha foi intensificada e outras quase 5 mil pessoas foram vacinadas.

Informou ainda que a campanha de vacinação é permanente nos unidades de saúde do Jardim Nova Pilar, Campo Grande e Centro, e itinerante nos demais postos de saúde e realização de visita de agentes comunitário de saúde casa a casa da zona rural e bloqueio imunológico, orientação e vacinação nos bairros com incidência de animais mortos.

Durante todo o mês de abril, sempre às segundas-feiras, será realizada vacinação das 8h às 12h na portaria do Jardim Cananéia, que atenderá também os moradores dos bairros adjacentes, como Reunidas, Barra, Bandeirantes e Pinhalzinho.

Cronograma de vacinação da febre amarela

Segundas-feiras (abril) – UBS do Jardim Cananéia
Quartas-feiras - PAM I Cecília Urias De Moura (Nova Pilar)
Quintas-feiras - Centro de Saúde Terezinha de Mores Arsilla (Campo Grande)
Sextas-feiras - Centro de Saúde Helena de Proença Lacerda (Centro)

O Centro de Controle de Zoonoses pede para a população que se encontrar um macaco morto entre em contato que o setor.

​Dúvidas e informações pelos telefones: (15) 3278-4248 e 99750-4612.



Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário