Percussionista pilarense toca na turnê do tenor Andrea Bocelli


Jonatas Campos é ex-aluno do Projeto Guri, polo de Pilar do Sul / Foto: Kazuo Watanabe / Coservatório de Tatuí
Convidado pela produção do tenor Andrea Bocelli, o percussionista pilarense Jônatas Campos de Oliveira, de 21 anos, tocará tímpano na turnê de 60 anos do artista que será realizado neste final de samana, dias 29 (sábado às 21h) e 30 (domingo às 19h), no Allianz Parque (estádio do Palmeiras), em São Paulo (SP).

O ex-aluno do Projeto Guri – programa sociocultural mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – iniciou a sua história no Polo Pilar do Sul aos nove anos.

“Recebi um papel com os cursos de violão, coral e percussão. Eu já sabia o que era violão e coral, não conhecia percussão, mas escolhi por achar o nome bonito”, disse o jovem.

Em 2012, Jônatas entrou para o Grupo de Referência de Sorocaba – Coro e Percussão e foi então que decidiu que queria a música como profissão. No mesmo ano realizou seu sonho e entrou no Conservatório de Tatuí. E, em 2016, ingressou no Instituto Baccarelli, tornando-se bolsista da Orquestra Juvenil Heliópolis.

“O Guri me proporcionou conhecer lugares que nunca imaginei que teria a oportunidade e trouxe muitas outras coisas boas para minha vida. Primeiro porque eu entrei no projeto quando meus pais se separaram e também porque eu sempre fui muito agitado e a música me ajudava a expressar tudo que eu sentia”, contou o jovem.  Além disso, Jônatas participou da gravação do DVD Calungá, com o Naná Vasconcelos, se apresentou em grandes teatros de São Paulo, gravou em estúdio para o aniversário de 18 anos do Guri e participou do festival de música Ethno Suécia.

Fonte: Projeto Guri / Secretaria de Estado da Cultura.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário