Moça que matou prima à facada será julgada em fevereiro


O juiz Ricardo Augusto Galvão de Souza marcou para 21 de fevereiro a sessão do Tribunal do Júri para julgamento de Amanda de Oliveira Nunes Gabriel, 20 anos, acusada de matar Elisandra Vitória Cássia de Oliveira, 20, sua prima de segundo grau.

O crime aconteceu na tarde do dia 2 de dezembro do ano passado durante um churrasco em um sítio localizado no bairro Boa Vista, zona rural de Pilar do Sul.

Segundo o Ministério Público o assassinato foi cometido por motivo fútil e com recurso que dificultou a defesa da vítima – que foi morta a facada. 

Ainda segundo o processo, Amanda não tinha sido convidada para a festa, mesmo assim compareceu ao local e se desentendeu com a dona da casa, Tatiane Oliveira Carvalho, 22, com quem teria mantido um relacionamento amoroso.

Durante a confusão, a prima Elisandra, que seria atual namorada de Tatiane e que havia se ausentado, voltou à casa e a discussão se acirrou.

Em dado momento, Amanda pegou uma faca na cozinha e partiu para cima da prima, que ainda tentou se defender com uma enxada, mas foi atingida com um golpe certeiro no lado esquerdo do peito, vindo a falecer ao dar entrada no Pronto Socorro da Santa Casa.

Presa em flagrante no dia do crime, Amanda aguarda o julgamento em uma penitenciária estadual.

A sessão do júri será realizada no dia 21 de fevereiro, a partir das 13h30, no plenário da Câmara Municipal.
Elisandra (esquerda) e Amanda eram primas de segundo grau / Fotos: Reprodução do Facebook.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário