Justiça condena mulher de Pilar do Sul por ofender rival no Facebook



Mulher que insinuou que a rival traía o marido terá que pagar uma indenização de R$ 3 mil para a vítima

Em votação unânime, a 6ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) condenou uma mulher a indenizar em R$ 3 mil outra que ela ofendeu em publicação no Facebook.

O fato aconteceu em março do ano passado. A mulher de 29 anos é ex-namorada do hoje marido da ofendida, que alega que a rival a perseguia nas redes sociais.

Segundo a vítima, após uma breve discussão privada (in box), a rival fez uma postagem pública insinuando que ela traía o marido, além de afirmações chulas e palavras de baixo calão.

No julgamento no Fórum de Pilar do Sul a ré foi absolvida, mas a vítima não se deu por vencida e recorreu ao TJSP, que reformou a sentença e condenou a ré a indenizar a rival em 3 mil reais e arcar com todas as custas processuais.

Para o desembargador Rodolfo Pellizari “os comentários extrapolaram o limite da livre manifestação do pensamento e afrontaram o direito de proteção à honra, à imagem e à intimidade, com ofensa profunda à honra subjetiva da vítima”.

O julgamento foi realizado no dia 23 de novembro e  teve a participação dos desembargadores Paulo Alcides, Percival Nogueira e Rodolfo Pellizari.

Da decisão ainda cabe recurso.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário