Lavrador surta, ameaça atear fogo na casa e mantém família refém por três horas


Um produtor rural de 44 anos foi preso pela Polícia Militar na noite desta quarta-feira (20) após manter a esposa e filhos trancados por cerca de três na residência da família em um bairro rural de Pilar do Sul.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta de 17 horas o homem teve uma crise de ciúmes da mulher de 41 anos, a trancou no quarto com os filhos de 20, 17 e 14 anos e ameaçou atear fogo na residência com todos dentro.

Mesmo refém e sob ameaça, a filha do lavrador conseguiu enviar uma mensagem para o celular do noivo, que acionou a PM.

Por volta de 20 horas os policiais cabo Cardena e soldado Joaquim chegaram ao local e logo visualizaram as vítimas acenando e pedindo socorro pela janela.

Segundo a PM, bastante alterado e agressivo, o homem atendeu os policiais, mas tentou impedir o acesso deles a residência e o contato com a família.

Após dominar e deter o lavrador, os PMs adentraram a casa e libertaram os membros da família, que estavam bastante assustados com as ameaças do patriarca.

O homem, que nega o crime e alega que os familiares estavam trancados no quarto por vontade delas, foi conduzido à Delegacia e autuado em flagrante acusado de violência doméstica e cárcere privado, com base na lei Maria da Penha, e desobediência à intervenção policial.

Ele foi recolhido à carceragem local, permanecendo à disposição da justiça, ou até a audiência de custódia que devera acontecer ainda nesta quinta-feira.

A mulher disse que o marido estava agressivo, com ciúmes dela e das duas filhas, e que com frequência as ameaçava, mas que nas vezes anteriores não registraram o boletim de ocorrência.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Comentar
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário