PM prende caminhoneiro que esfaqueou e tentou matar ex-mulher


O homem poderá responder por tentativa de feminicídio e violência doméstica, com base na lei Maria Penha

Gilberto Bataia / Foto: Divulgação.
O caminhoneiro Juberto de Almeida Bonifácio, vulgo Gilberto Bataia, 44 anos, acusado de tentativa de homicídio praticado contra a ex-mulher, foi preso pela Polícia Militar na noite deste sábado (16)

O homem era procurado desde 16 de fevereiro, quando invadiu a casa da ex-mulher, Luciana Evangelista de Carvalho, de 42 anos, e a feriu com três golpes de faca que provocaram ferimentos no braço e mão e um corte profundo no rosto (leia aqui).

A pedido de delegado Milton Andreoli, e após manifestação favorável do Ministério Público, o juiz Ricardo Augusto Galvão de Souza decretou a prisão preventiva de ‘Bataia’ e, desde então, ele era procurado da justiça.

Segundo o boletim de ocorrência, ontem, durante patrulhamento nas imediações de uma festa, os policiais cabo Cardena e soldado Joaquim avistaram o homem dentro de um bar na avenida Antonio Lacerda, em frente o recinto da FEAPS, e o prenderam.

Sem esboçar reação, ‘Gilberto Bataia’ foi conduzido à Delegacia, onde o delegado ratificou a prisão, mantendo-o recolhido a carceragem a disposição da justiça.

Mulher sofreu ferimentos no braço, mão e rosto / Fotos: Divulgação.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Sergio Santos

Jornalista, radialista e publicitário. Editor responsável pelo Blog do Sérgio Santos. Registro de Jornalista MTB 51.754 / SP.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. Graças a Deus, que pague bem caro pelo que fez!
    Parabéns aos policiais pelo trabalho.

    ResponderExcluir